SINDSEMP ARTICULA EM PROL DA NÃO DESINSTALAÇÃO DE COMARCAS

18 de Agosto de 2020, 14h32

Reunião 18 08 Articulação

O presidente do SINDSEMP, Gilcésio Campos, participou nesta manhã (18), de uma videoconferência onde foi discutido a possível desinstalação da comarca de Taquaral, sinalizada pelo TJ. A articulação contou também com a presença do Deputado Karlos Cabral, o presidente do SINDJUSGO (Sindicato dos Oficiais de Justiça do Estado de Goiás), servidores do MP e TJ da comarca de Taquaral e representantes locais da OAB.

Os envolvidos na videoconferência, partilham da mesma ideia que, segundo Gilcésio Campos, é um retrocesso. "A desinstalação das comarcas de Taquaral, Varjão e Panamá pode representar um retrocesso. Fica prejudicado nessas comarcas o acesso à justiça, bem como poderá acarretar em uma morosidade no processo judicial, face ao acúmulo de processos nas comarcas que as receberão.”

Além de tudo, o presidente do Sindicato acredita que a população será prejudicada. “A desinstalação irá dificultar o acesso de pessoas com menor poder aquisitivo à orientação jurídica, pois nessas comarcas menores não tem defensoria pública, então a orientação na grande maioria das vezes vem do Ministério Público”, reforça Gilcésio.

Além de todas as questões acima citadas, quem também serão prejudicados sãos os inúmeros servidores que prestaram o concurso local, por entenderem e escolherem ali, para estruturar suas famílias e ser a cidade para desempenhar o seu papel diante da sociedade.


FILIE-SE E GARANTA BENEFÍCIOS EXCLUSIVOS. FAÇA PARTE DA NOSSA FAMÍLIA!

Fonte: Assessoria de Comunicação - Marielly Dias